Elisângela Rita

Nome: Elisângela Rita

É poetisa, escritora (livro “Coração Achado” publicado em 2015), artista de voz (filme “Independência”). Em 2013 iniciou a declamação de poesia/palavra falada, ou “spoken word”. 2.º Lugar no concurso africano The Spoken Word ProjectDesde 2015 realiza o “Luanda Slam” (competição de spoken word), e desde 2017 também o slam feminino “MUHATU”, voltado para mulheres jovens angolanas estudantes ou residentes em zonas periféricas. Estes slams têm vindo a ganhar espaço mundialmente como expressão artística, construtiva e reivindicativa, retratando situações sociopolíticas e culturais da juventude

Os concursos são um espelho da cena literária da palavra na urbe Luandense, e um movimento socio-juvenil com impacto local e internacional. Vencedores destes concursos vão representar Angola em competições internacionais (Festival Internacional de Artes “HIFA”: Zimbabwe 2015; Festa Literária das Periferias do Rio de Janeiro “FLUP”, Brasil 2017, 2018, 2019; Copa Africana de Slam Poetry “CASP”: Chade 2018; Festival Poetas D’Alma: Maputo, Moçambique 2019; Slam Viral Lusófono Internacional: Brasil/online, 2020). Em 2020 o concurso MUHATU irá oferecer às concorrentes um programa de mentoria e capacitação, compreendendo aulas de nove disciplinas ministradas por mulheres de referência nos seus sectores.

É embaixadora para Angola do Africa Cup of Slam Poetry (ACSP), do Festival Poetas D’Alma, cofundadora da Associação Artes ao Vivo e do espaço cultural “Casa Rede”, que agrega arte e cultura de jovens e para jovens, tendo maioritariamente eventos gratuitos ou a preços baixos, que visa difundir as diferentes expressões artísticas a todas as classes sociais. É membro do Hub de Luanda do Global Shapers Community.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *